Working Paper 365

Banking Systemic Risk, Foreign Funding, Exchange Rate Exposure and Carry Trade: is there a relation?


Bruno Freitas Boynard de Vasconcelos and Benjamin Miranda Tabak


Abstract

We study what is the systemic impact of banks' foreign funding and what are the determinants of this flow of international money. With that, we intend to establish a relation between banks' foreign funding, carry trade, exchange rate exposure and banking system risk which is novel in the literature. We used an unique data for Brazilian banks exchange rate transactions combined with other micro and macro data. Our results indicate that banks improve its credit portfolio, free from regulatory investment, in periods when banks get foreign funding. Those results and future analysis and extensions of this work may better quantify this effect and serve as a basis for policy makers in terms of analysis of macroprudential policies.

Resumo

Nós estudamos qual o impacto sistêmico da captação externa dos bancos e quais são os determinantes desse fluxo de capital internacional. Com isso, nós pretendemos estabelecer uma relação entre a captação externa, carry trade, exposição cambial dos bancos e risco do sistema bancário o que é novidade na literatura. Nós usamos uma base de dados exclusiva para as transações cambiais dos bancos combinada com outras base de dados macro e microeconômicas. Nossos resultados indicam que os bancos aumentaram seu portfólio de crédito, livre de aplicação regulamentar, em períodos nos quais os bancos aumentam sua captação externa. Esses resultados e futuras análises e extensões desse trabalho podem melhor quantificar esse efeito e servir como base para os policy makers em termos de análise de política macroprudenciais.