Working Paper 275

A Geographically Weighted Approach in Measuring Efficiency in Panel Data: the Case of US Saving Banks


Benjamin M. Tabak, Rogério B. Miranda and Dimas M. Fazio


Abstract

The objective of this article is to discuss a new approach to control for the environment when one estimates efficiency by the stochastic frontier model. By introducing geographical weights and estimating local frontiers for each US saving bank for 2001-09, we find that bank technical performance is higher for most banks in comparison to a fixed-effects approach. This result highlights the importance of explicitly considering local environment and constraints while analyzing banks' behavior. All in all, this model has been proved very promising and viable for future empirical studies.

Resumo

O objetivo deste artigo é o de discutir uma nova metodologia para controlar para o ambiente quando estima-se eficiência usando modelo de fronteira estocástica. Ao introduzir ponderações geográficas e estimar fronteiras locais para cada banco (“savings Banks”) nos EUA para o período de 2001 a 2009, encontra-se que a performance técnica dos bancos é maior do que em modelo de efeitos fixos. Este resultado ressalta a importância de explicitamente considerar o ambiente local e restrições enquanto se analisa comportamento bancário. Em suma, este modelo se mostrou promissor e viável para estudos empíricos futuros.