Bandeira do Brasil  PEDD

Padrão Especial de

Disseminação de Dados

Data da última atualização: 12/03/2002

PLANO DE OBSERVÂNCIA E TRANSIÇÃO

Pessoa para Contato

Tulio José Lenti Maciel

Instituição

Banco Central do Brasil, Departamento Econômico

Número do Telefone

55 61 3414-1002 ou 3414-1004

Número do Fax

55 61 3414-3754

Endereço eletrônico

tulio.maciel@bcb.gov.br

        Campos marcados com (x) indicam que as especificações do PEDD para a cobertura dos dados, periodicidade e tempestividade estão atendidas. Um numeral indica onde o Brasil fez uso da flexibilidade do PEDD para esses elementos ou apresentou planos para atender às especificações durante o período de transição. Neste caso, uma nota de rodapé identifica a categoria flexibilizada e dá mais informações.

        Abaixo, a tabela com a posição atual do atendimento das especificações do PEDD pelo Brasil.

Categoria (ou, se diferente, o descritor nacional) Cobertura Periodicidade Tempestividade
SETOR REAL
Contas Nacionais x x x
Índice de Produção Industrial x x x
Mercado de trabalho: emprego   x x x
Mercado de trabalho: desemprego x x x
Mercado de trabalho: salário e rendimentos x x x
Índices de preços: preços ao consumidor x x x
Índices de preços: preços ao produtor x x x
SETOR FISCAL
Operações do Governo Geral x x (1)
Operações do Governo Central x x x
Dívida Bruta do Governo Central   x x x
SETOR FINANCEIRO
Contas analíticas do setor bancário x x (2)
Contas analíticas da autoridade monetária x x x
Taxas de juros   x x ...
Mercado de capitais: índices   x x ...
SETOR EXTERNO
Balanço de pagamentos x x x
Reservas internacionais   x x x
Comércio exterior x x x
Posição de investimentos internacionais  x x x
Taxa de câmbio x x ...
POPULAÇÃO   x x ...
(1) O Brasil está se valendo da opção de flexibilidade para a tempestividade na categoria Operações do Governo Geral. Todavia, espera-se que a tempestividade atual seja reduzida diante da Lei de Responsabilidade Fiscal, de maio de 2000.
(2) O intervalo de tempestividade nessa categoria é uma peculiaridade da norma brasileira (Circular n° 3.097, de 06.03.2002), que obriga as instituições bancárias à elaboração de balancetes trimestrais contendo dados finais, sujeitos à prática de padrões oficiais de auditoria e controle . Como decorrência, o dado do último mês de cada trimestre é divulgado 6 semanas após o mês de referência , enquanto que para os demais meses, a divulgação se dá com 4 semanas.