Logomarca BCB

Nota à Imprensa - 60ª Reunião

A ameaça ao cumprimento das metas de inflação em decorrência principalmente da contínua depreciação da taxa de câmbio, impulsionada por expectativas negativas que se re-auto alimentam, requer uma postura firme por parte do Banco Central. Diante disso, o Copom decidiu elevar a taxa de juros de 16,75% a.a. para 18,25% a.a. Entretanto, a possibilidade de reversão desse quadro em curto prazo levou o Comitê a decidir também pela adoção do viés de baixa.